w.moe.

Parte 54 – Quando a rua enrolou sobre nós

Moe equipou a bicicleta com dois facões, um taco de golf e aquela pistola francesa que falhava quase sempre. Amarrou os sapatos numa altura razoável da canela e prendeu a calça com fita tape para não enganchar na coroa, ou então, na correia. Depois, afivelou o bornal recheado com moedas e bolas de sinuca nas costas. Bebeu um gole de vodka. Acendeu um cigarro. E pedalou.

3 comentários:

Toca do Carcaju disse...

Pedalou até onde?

Muito bom, pequeno mancebo, muito bom

fabiano gummo disse...

Pedalou até o metalimbo ginasial do Concórdia!

Lady Ka disse...

hahahaha

eu gosto do moo.......